KixiCrédito
Eventos
Capacitação de Clientes
A área de Operações promoveu de 18 a 19 de Abril, um curso de "Capacitação de Presidentes dos Grupos Comunais", na cidade da Gabela província do Kwanza-Sul, ao qual assistiram 30 clientes.

O curso foi dirigido aos presidentes dos grupos solidários do KixiComunal, um produto que se destina a população residente nas áreas rurais e que desenvolvam uma pequena actividade económica.

O programa de capacitação dos presidentes de Grupos Comunais teve por objectivo não só reforçar a capacidade dos clientes na gestão dos grupos comunais, mas
sobretudo fornecer metodologias e instrumentos práticos de microfinanças para poderem resolver os problemas do dia-a-dia no seu contexto de trabalho.

 

Capacitação de Trabalhadores
Um grupo de cinco trabalhadores da área de Operações efectuou de 30 de Junho a 14 de Julho de 2012, uma visita de estudo a cidade de La Paz, na Bolívia.

A deslocação teve como objectivo conhecer a experiencia das diferentes instituições de microfinanças da Bolívia, no que se refere a metodologia dos Bancos Comunais.

Foram visitadas, entre outras instituições, as a seguir mencionadas:
- INFOCRED
- FINRURAL
- BANCO SOL
- BANCO ECONOMICO
- CRESCER

 

Gestão Estratégica de Recursos Humanos
Com vista a melhorar a gestão dos colaboradores da empresa, a directora do Departamento de Recursos Humanos, Sra. Verónica José, licenciada em Contabilidade e Auditoria, vai participar de 20 a 31 de Maio, em Lisboa, no curso de Gestão Estratégica de Recursos Humanos promovido pela Católica Lisbon School of Business & Economics.

O programa do curso visa o aprofundamento de alguns temas da gestão de Recursos Humanos com maior acuidade no contexto empresarial angolano, de modo a dar resposta aos principais desafios que as empresas enfrentam para gerir os seus colaboradores.

O curso destina-se essencialmente a técnicos e quadros superiores de Recursos Humanos que pretendem actualizar ou aprofundar conhecimentos nesta área.

 

Mesa Redonda sobre Segurança Social para Todos
Constância de Sousa Silva, Assessora de Marketing da KixiCrédito, participou no dia 19 de Abril, em Luanda, à Mesa Redonda, sob o lema: Segurança Social para todos, organizada pela Development Workshop (DW) em parceria com a OXFAM Novib.

O evento teve como objectivo reunir actores do sector privado e da sociedade civil com responsáveis das instituições de tutela dos regimes de Protecção Social Obrigatória, destinado aos trabalhadores da função publica e sector privado bem como da Protecção Social de Base, dirigido às pessoas em risco de exclusão social, para uma reflexão conjunta sobre o estado da cobertura da protecção social em Angola.

A sua comunicação foi antecedida pelo Dr. Wilson Santos, do Gabinete Jurídico do Instituto Nacional de Protecção Social (INSS), que falou sobre o quadro legal da Segurança Social em Angola.

Na apresentação do tema: Protecção Social – um direito e uma necessidade económica e social, Constância Silva incidiu fundamentalmente, nas implicações da falta de cobertura de protecção social para as famílias e seus dependentes tendo realçado a necessidade da sociedade civil se aliar ao esforço do Executivo, com vista a encontrar propostas que promovam o acesso à protecção social a outras categorias profissionais, nomeadamente, à população activa que exerce no sector não formal da economia, que para além de não ter segurança de rendimentos não tem segurança social.

A explanação, apoiada por slides abrangeu os seguintes aspectos:

1. Definição do conceito de Segurança Social – um direito humano fundamental
2.

Panorâmica sobre o estado da cobertura da Segurança Social no mundo, no continente africano e em Angola.
3.



A consagração do direito à Segurança Social na Constituição da República angolana, Artigo 77.º, que estabelece: o Estado promove e garante as medidas para assegurar a todos o direito à assistência na infância, na maternidade, na invalidez, na velhice e em qualquer situação de incapacidade para o trabalho.
4. Os constrangimentos para a concretização do direito à segurança social em Angola.
5. As implicações da fraca cobertura da protecção social para as famílias e seus dependentes.
6.


O apelo do Presidente da República, José Eduardo dos santos, na comunicação de final de 2011, dirigido ao Estado, sectores publico e privado, para a promoção da inclusão social dos agentes da economia informal no sector formal .
7. As respostas da sociedade civil, ao repto lançado pelo Presidente da República.
  Os debates foram bastante participativos tendo os convidados exposto as suas preocupações relativamente às dificuldades para o acesso ao direito e, reconhecido os esforços realizados quer pelo MAPESS como pelo MINARS com vista ao alargamento da protecção social.

Foram efectuadas, entre outras, as seguintes recomendações:

1.


Que o Ministério da Família e Promoção da Mulher (MINFAMU) contribua para o alargamento da protecção social, através de um trabalho de Informação e divulgação junto à população activa, sobretudo das mulheres, sobre os benefícios e vantagens da sua inscrição na Protecção Social.
2.



Que a Development Workshop (DW), formalize junto ao MAPESS o seu interesse e disponibilidade para implementar um projecto promova a integração no Sistema de Protecção Social, de pessoas que tenham pequena actividade económica e, demonstrem capacidade financeira para efectuarem contribuições regulares da protecção social.
3.


Que a sociedade de microcrédito KixiCredito S.A. solicite a presença do INSS, nos seus encontros trimestrais com os clientes, para se lhe esclarecer, sobre as vantagens e benefícios de os trabalhadores e empregadores estarem inscritos no INSS.

 

 

KIXI SOLIDÁRIO KIXI SOLIDÁRIOS REFORÇADO KIXI NEGÓCIO KIXI COMUNAL KIXI CASA
Fotos: Tim Harrington